A Cátedra da UNESCO em Educação para a Justiça Social recebe pesquisadores internacionais

Atualmente, a Cátedra da UNESCO em Educação para a Justiça Social tem vários pesquisadores internacionais visitantes, que conduzirão estadias de pesquisa durante todo este ano acadêmico. A Cátedra da UNESCO em Educação para a Justiça Social considera essencial a formação de pesquisadores e professores em educação para a Justiça Social. Portanto, dentre suas linhas de ação, existe a possibilidade de realizar pesquisas onde os pesquisadores treinam, aprendem e trocam conhecimentos com outros pesquisadores nacionais e internacionais.

No início de setembro, o presidente recebeu o Dr. Charles L. Slater, professor de liderança educacional da Universidade Estadual da Califórnia em Long Beach. Anteriormente, ele atuou como professor na Universidade Estadual do Texas em San Marcos e foi diretor de várias escolas no Texas e Massachusetts. Ele publicou artigos sobre liderança educacional nos Estados Unidos, Costa Rica, Espanha e México, além de outros tópicos em revistas como: Quarterly de Administração Educacional, Educação, Administração, entre outros.

O Dr. José Adriano Anaya, professor da Universidade Autônoma de Chiapas, também já está em Madri, permanecendo no Instituto DEMOSPAZ e na Cátedra da UNESCO em Educação para a Justiça Social. Atualmente, é coordenador do Mestrado em Defesa dos Direitos Humanos. É graduado em Sociologia, com mestrado em História e doutor em ciências sociais e membro do Sistema Nacional de Pesquisadores Nível 1 no México. Entre suas publicações estão: “Autonomia e Heteronomia, os dilemas da ordem institucional em Chiapas” e “Juventude, direitos e construção da cidadania na universidade”. Ele também coordenou várias publicações sobre a defesa dos direitos humanos em Chiapas.

A presença desses pesquisadores internacionais facilita o intercâmbio de experiências e resultados das pesquisas realizadas neste momento em suas respectivas instituições. Nesse sentido, eles e o Presidente e o Instituto DEMOSPAZ têm uma boa oportunidade de recorrer a novos conhecimentos e podem servir para estabelecer futuros laços de colaboração em várias questões de Cultura da Paz e Mediação de Conflitos, Educação e Justiça Social.

Related Posts