Disseminação

A Cátedra da UNESCO em Educação para a Justiça Social da UAM tem como objetivo disseminar o conhecimento sobre Educação para a Justiça Social para professores e pesquisadores. Nesse sentido, desenvolve, entre outras, as seguintes ações permanentes:

Além disso, colabora e desenvolve várias atividades de natureza pontual:

  • Alunos como uma alavanca para a mudança na Justiça Social, por Marta Sandoval, no âmbito do “Seminário de Pesquisa sobre eqüidade”, organizado pelo centro de pesquisa, incluindo a Universidade de Southampton (Reino Unido) (01/12/2019).
  • Instrumentos para a formação em arquitetura (Ferramentas para treinamento em arquitetura), de Santiago Atrio, no âmbito da “Conferência internacional sobre educação para espaços construídos. Leggere lo spazio / Lendo o espaço ”em Roma (Itália) (25/01/2019).
  • Educação e igualdade de oportunidades, de Adrián Almazán, organizado pelo Departamento de Filosofia da Universidade Autônoma de Madri, em Madri (Espanha) (13/03/2019).
  • Justiça Social como objetivo e caminho da animação sociocultural, por F. Javier Murillo, no âmbito da INTERACTUA 2019, conferências para a formação de animadores socioculturais, em Ugena (Espanha) (04/04/2019).
  • A não neutralidade da técnica. Uma ontologia da técnica como fenômeno sócio-histórico, por Adrián Almazán, no âmbito do “Seminário Internacional de Jovens Pesquisadores (SIJI)”, organizado pelo Instituto de Filosofia (CSIC), em Madri (Espanha) (04/04/2019).
  • Por uma educação que contribui para a justiça social, por F. Javier Murillo, na Universidade Livre da Colômbia, Bogotá (Colômbia) (09/09/19).
  • O Antropoceno: a era da crise ecossocial global, de Adrián Almazán, organizado pelo Departamento de História Contemporânea da Universidade Autônoma de Madri, em Madri (Espanha) (10/04/2019).
  • Novas formas de organizar o espaço escolar? Da idéia do grupo ao conceito de classe. Espaços multitarefa para comunidades de aprendizagem, por Santiago Atrio, no âmbito das “II Jornadas de Aprendizagem Baseadas em Projetos: espaços escolares e transformação social” organizadas pela Faculdade de Formação Docente do campus de Cáceres, em colaboração com o Ministério da Educação e Emprego da Junta de Extremadura em Cáceres (Espanha) (03/05/2019).
  • O que significa liberdade? por Adrián Almazán, organizado pelo prefeito do Colegio Chaminade, em Madri (Espanha) (05/05/2019).
  • Da natureza como objeto à natureza como artefato: fundamentos imaginários do extrativismo e suas mutações contemporâneas, de Adrián Almazán. No âmbito do “Seminário de Mineração e Extrativismo. Diálogo entre a Academia e os Movimentos Sociais ”, organizado pelo HUM952 – STAND Group da Universidade de Granada, em Granada (Espanha) (09/09/2019).
  • Diálogo: Direitos humanos e desafios ecossociais, de Adrán Almazán e Carmen Madorrán, no âmbito do I Congresso Internacional de Direitos Humanos, Democracia, Cultura de Paz e Não-Violência, realizado na Universidade Autônoma de Madri (Espanha) (31/05/2019 )
  • Mesa Redonda: Direitos Humanos e Democracia: Desafios locais e globais, de Blanca Rodríguez-Chaves, no âmbito do I Congresso Internacional de Direitos Humanos, Democracia, Cultura de Paz e Não-Violência, realizado na Universidade Autônoma de Madri (Espanha) (31/05/2019).
  • Mesa Redonda: Educação para a Paz e Justiça Social, por F. Javier Murillo e Manuela Mesa, no âmbito do I Congresso Internacional de Direitos Humanos, Democracia, Cultura de Paz e Não-Violência, realizado na Universidade Autônoma de Madri (Espanha) (31/05/2019).
  • A mudança cultural como elemento chave da liderança inclusiva e da justiça social, por F. Javier Murillo, no Seminário Internacional “Gerenciamento de mudanças para melhoria educacional: fortalecendo a liderança do território”, organizado pelo Centro de Líderes Educacionais da Chile em Frutillar, no Chile (06/04/2019).
  • Uma era de novos paradigmas: ecologia, soberania alimentar, movimento “lento”, economia Km O, transição energética … Como colocar a ruralidade no centro? de Adrián Almazán. No âmbito do “II Fórum Cultura e Ruralidades. Rural + Urbano, Urbano + Rural. O território como sistema ”organizado pelo Ministério da Cultura e Esportes, em Soria (Espanha) (06/05/2019).
  • Mesa-redonda: Rumo a uma pesquisa comprometida, por F. Javier Murillo, no âmbito do XIX Congresso Internacional de Pesquisa Educacional: Pesquisa comprometida para transformação social realizada na Universidade Autônoma de Madri (Espanha) (20/06/2019).
  • Mesa-redonda: Passado, presente e futuro de periódicos de pesquisa educacional, por F. Javier Murillo, no âmbito do XIX Congresso Internacional de Pesquisa Educacional: Pesquisa comprometida para transformação social realizada na Universidade Autônoma de Madri (Espanha) (20/06/2019).
  • O prédio da escola de equidade e justiça, por F. Javier Murillo. No âmbito do seminário “Equidade e justiça na nova escola mexicana”, organizado pelo Ministério da Educação Pública e pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) na Cidade do México (25/09/2019).
  • Ruralidade ou barbárie, de Adrián Almazán. No âmbito do ciclo “Tierra Cultura Vida”, organizado pela Associação Cultural La Ortiga, em Santander (Espanha) (03/10/2019).
  • Entre rotulagem e reconhecimento: uma tensão não resolvida em estudantes com deficiência, de Marta Sandoval. No âmbito do “Seminário de Pesquisa Sociocultural” da Escola de Educação da Universidade Estadual do Arizona (ASU) (EUA) (14/10/2019).
  • Mesa-redonda: O que fazemos com as políticas de segregação escolar?, por F. Javier Murillo. Organizado pelo coletivo “Por outra política educacional. Fórum de Sevilha ”no Ateneo de Madrid (Espanha) (18/10/2019).
  • Uma luta fracassada contra o turismo. O caso do Stop Hotel! de Adrián Almazán. No âmbito da Memória e resistência ao turismo de gentrificação, organizado pelo Postory Research Group (UAM) na Universidade Autônoma de Madri, em Madri (Espanha) (25/10/2019).
  • Jogo e desenvolvimento humano: uma perspectiva da justiça social, por Liliana Jacott. Artigo apresentado na Conferência Técnica: Brincadeiras e jogos na infância, organizada pela Prefeitura de Rivas Vaciamadrid (Espanha) (15/11/2019).
  • Mulheres que constroem a paz, nossa genealogia, por Laura Alonso. No âmbito do Seminário Castelló per la Pau: ODS16: Cidadania para o Pau. O Peper de les Dones na Construcció de la Pau, em Castelló (Espanha (27/11/2019).
  • Educação para a justiça social: construindo professores como agentes de mudança, por Liliana Jacott. No âmbito do seminário ministrado no Mestrado “Teorias da educação”, no Mestrado em Educação da Universidade de Patras (Grécia) (3/12/2019).
  • Segregação, escolha da escola e justiça social no sistema educacional espanhol, por F. Javier Murillo, no âmbito da Conferência “Desconstruindo o modelo educacional neoliberal. Transformações educacionais alternativas ”na Universidade de Granada, em Granada (Espanha) (04/12/19).
  • Segregação escolar na sociedade espanhola: escolas para os ricos e escolas para os pobres apoiadas por dinheiro público, por F. Javier Murillo, no V Seminário “Mapa da Escola do Projeto de Pesquisa: Rumo a um plano municipal contra a segregação escolar” realizado na Universidade de Valência em Valência (Espanha) (05/12/2019).
  • Um olhar sobre a educação da Justiça Social, por F. Javier Murillo, no Congresso Internacional de Educação e Tecnologia em Ciências (CISETC) da Universidade Católica de Santa Maria em Arequipa (Peru) (10/12/2019 – 12/ 12/2019).
  • Educação para a Justiça Social no contexto da Formação de Professores, por F. Javier Murillo, organizado pela Universidade Central do Chile, em Santiago (Chile) (07/01/2020).
  • Encontro com Jody Williams, ativista do Prêmio Nobel da Paz e Direitos Humanos. Organizado em colaboração com o Instituto DEMOSPAZ e CEIPAZ (08/04/2019).
  • O antropoceno: a era da crise ecossocial global, em colaboração com o Departamento de História Contemporânea da Faculdade de Filosofia e Letras da UAM e o Instituto Demospaz (10/04/19).
  • Quais são as conexões entre escolas livres e democráticas e a educação para a Justiça Social? O orador convidado Charlie Moreno (Escola Internacional de Tallinn, Estônia) dirigiu-se a estudantes e membros da comunidade universitária (23/04/2019).
  • Reunião com Janina Welp, co-diretora do Zentrum Zurich da América Latina (LZZ). Organizado em colaboração com o Instituto DEMOSPAZ (29/04/2019).
  • Exposição “Poluição Artística” no âmbito da ARTEspacios-UAM. (1/12/19 – 31/12/19).